Mensalidade

Saiba mais

R$ 600,00

Método

Saiba mais

Presencial

Aulas presenciais no campus da Faculdade.

Turno

Saiba mais

Diurno e Noturno

Carga Horária

Saiba mais

 3156 horas

Mínimo (8 Semestres – 4 anos)

Sobre o Curso

1. OBJETIVOS

Geral:

  • Formar assistentes sociais éticos, críticos e competentes, em consonância com a legislação em vigor, capazes de articular ensino, pesquisa e extensão, fundamentada na realidade brasileira e com especial destaque para as realidades do Maranhão e de Timon, tendo o “aprender a aprender” como referencial de sua atuação profissional cidadã.

Específicos:

  • Proporcionar aos acadêmicos do Curso de Serviço Social, oportunidades de estudos/debates numa perspectiva de formular e implementar políticas de intervenção social que respondam aos desafios sociais presentes nas realidades do Estado do Maranhão e brasileira;
  • Demonstrar os novos paradigmas teórico-metodológicos e ético-políticos que caracterizam o ser social enquanto totalidade histórica, fornecendo elementos básicos fundamentais à compreensão da sociedade contemporânea e suas contradições.
  • Caracterizar as particularidades socioeconômicas e culturais presentes na formação e desenvolvimento urbano e rural, em suas diversidades regionais e locais brasileiras.
  • Evidenciar o caráter contraditório do significado do Serviço Social, no conjunto das relações entre as classes sociais e destas com o Estado, incorporando no processo as dinâmicas institucionais nas esferas estatal e privada.
  •  Analisar os diferentes níveis de apreensão da realidade social e profissional, tendo como eixo fundante da profissão o enfrentamento da questão social em suas múltiplas manifestações.
  • Oportunizar aos alunos, por meio do estágio supervisionado, uma experiência de enriquecimento da formação profissional do acadêmico em Serviço Social, através da aplicabilidade da teoria à prática, a partir do estudo de uma realidade social concreta.

 2. PERFIL DO PROFISSIONAL

A sociedade brasileira torna-se cada vez mais complexa em decorrência de diversos fatores, podendo-se destacar, dentre outros, a revolução tecnológica e sua interferência no processo assistencial e na qualidade de vida da população. Também a complexidade socioeconômica tem exigido novos graus de especialização funcional e técnica dos profissionais de Serviço Social necessários para atender a demanda pelo exercício profissional nas suas diferentes áreas de trabalho. Desta forma, é preciso formar bacharéis com sólida base acerca dos fatores e princípios do Serviço Social.

Neste sentido, o Curso de Graduação em Serviço Social tem como perfil do formando o egresso/profissional que atua nas expressões da questão social, formulando e implementando propostas para seu enfrentamento, por meio de políticas sociais públicas, empresariais, de organização da sociedade civil e movimentos sociais. Profissional dotado de formação intelectual e cultural generalista crítica, competente em sua área de desempenho, com capacidade de inserção criativa e propositiva no conjunto das relações sociais e no mercado de trabalho. Profissional comprometido com os valores e princípios norteadores do Código de Ética do Assistente Social.

O aluno do Curso de Serviço Social deverá ser portador de cultura humanística, centrada em áreas do conhecimento das Ciências Humanas e Sociais, possuir capacidade crítica e analítica frente às realidades brasileira, local e mundial, e capacidade criativa e inovadora quanto a formulação e implementação de políticas de intervenção social frente às mazelas sociais. Portanto, deverá ser um profissional capaz de:

  1. Elaborar, implementar, assessorar, coordenar e executar políticas sociais nas áreas de saúde, assistência e previdência, educação, habitação, crianças, adolescentes, idosos e outros;
  2. Elaborar, coordenar, executar e avaliar programas e projetos na área;
  3. Encaminhar providências e prestar orientação social a pessoas, grupos e à população em geral;
  4. Orientar os cidadãos dos diferentes segmentos sociais sobre os programas sociais disponíveis e democratizar o acesso a esses programas;
  5. Planejar, executar e avaliar pesquisas para o conhecimento da realidade social a fim de subsidiar as ações profissionais;
  6. Realizar estudos socioeconômico com os usuários para fins de benefícios e serviços sociais junto a órgãos da administração pública, privada e outras entidades.
  7. Realizar vistorias, perícias técnicas, laudos periciais, informações e pareceres sobre matéria de Serviço Social;
  8. Prestar assessoria e consultoria aos órgãos da administração pública, empresas privadas e entidades, em matéria de Serviço Social;
  9. Planejar, organizar e administrar programas e projetos em unidades de Serviço Social.

Competências e Habilidades Gerais:

A formação profissional deve viabilizar capacitação teórico-metodológica e ético-política, como requisito fundamental para o exercício de atividades técnico-operativas, com vistas à:

  1. apreensão crítica dos processos sociais numa perspectiva de totalidade;
  2. análise do movimento histórico da sociedade brasileira, apreendendo as particularidades do desenvolvimento do capitalismo no país;
  3. compreensão do significado social da profissão e de seu desenvolvimento sócio histórico, nos cenários internacional e nacional, desvelando as possibilidades de ação contidas na realidade;
  4. identificação das demandas presentes na sociedade, visando a formular respostas profissionais para o enfrentamento da questão social, considerando as novas articulações entre o público e o privado;
  5. utilização dos recursos da informática.

Competências e Habilidades Específicas:

A formação profissional deverá desenvolver a capacidade de:

  1. formular e executar políticas sociais em órgãos da administração pública, empresas e organizações da sociedade civil;
  2. elaborar, executar e avaliar planos, programas e projetos na área social;
  3. contribuir para viabilizar a participação dos usuários nas decisões institucionais;
  4. planejar, organizar e administrar benefícios e serviços sociais;
  5. realizar pesquisas que subsidiem formulação de políticas e ações profissionais;
  6. prestar assessoria e consultoria a órgãos da administração pública, empresas privadas e movimentos sociais em matéria relacionada às políticas sociais e à garantia dos direitos civis, políticos e sociais da coletividade;
  7. orientar a população na identificação de recursos para atendimento e defesa de seus direitos;
  8. realizar visitas, perícias técnicas, laudos, informações e pareceres sobre matéria de Serviço Social;
  9. realizar estudos socioeconômicos para identificação de demandas e necessidades sociais;
  10. exercer funções de direção em organizações públicas e privadas na área de Serviço Social;
  11. supervisionar diretamente estagiários de Serviço Social.

Registra-se que o profissional de Serviço Social, conforme a Lei Nº 8.662, de 7 de junho de 1993, deverá apresentar, ainda, as seguintes competências e habilidades técnico-operativas:

  1. assumir o magistério de Serviço Social e coordenar cursos e unidades de ensino;
  2. estabelecer as dimensões investigativa e interpretativa como princípios formativos e condição central da formação profissional e da relação teoria e realidade;
  3. propor a interdisciplinaridade como elemento fundante no projeto de formação profissional, do Assistente Social;
  4. exercitar a indissociabilidade das dimensões de ensino, pesquisa e extensão;
  5. estabelecer o exercício do pluralismo como elemento próprio da vida acadêmica e profissional, impondo o necessário debate sobre as várias tendências teóricas que compõem a produção das ciências humanas e sociais;
  6. compreender a ética como princípio que perpassa toda a formação profissional;
  7. defender a indissociabilidade entre a supervisão acadêmica e formação profissional na atividade de estágio.

3. REQUISITOS/MATRÍCULAS

  • Certificado de Conclusão do Ensino Médio

Documentação para Matrícula

  • Histórico Escolar  ( apresentação de documentos originais  e cópia autenticada)
  • Comprovante de Residência (do mês atual)
  • CPF ( apresentação de documentos originais  e cópia autenticada)
  • Documento de identificação com foto  (apresentação de documentos originais  e cópia autenticada)
  • Título  eleitoral ( apresentação de documentos originais  e cópia autenticada)
  • Reservista militar  (apresentação de documentos originais  e cópia autenticada) (documentação exigida  para   alunos  do sexo masculino)