PFIES – Programa de Financiamento Estudantil

O Programa de Financiamento Estudantil é destinado à concessão de financiamento a estudantes regularmente matriculados em cursos superiores não gratuitos e com avaliação positiva nos processos conduzidos pelo Ministério da Educação.

Vamos lá!

Faça o seu sonho acontecer

Consulte a Cartilha de Financiamento Estudantil do Banco do Nordeste e tenha acesso a informações adicionais sobre o financiamento estudantil, além de dicas de gerenciamento financeiro para você focar nos estudos sem perder o controle das suas finanças.

Conheça o PFIES oferecido pelo Banco do Nordeste!

Requisitos

Podem solicitar o financiamento estudantil FNE P-Fies os clientes que, cumulativamente, atendam às seguintes condições:

  • Ter participado do Enem, a partir de 2010, e obtido média das notas das provas igual ou superior a 450 pontos, além de ter nota maior que zero na redação.
  • Para obter o financiamento, os estudantes devem estar matriculados em instituições de ensino conveniadas.
  • Possuir renda ou ser dependente financeiro de pessoa com cadastro ativo no Banco do Nordeste (caso o responsável não tenha cadastro ativo, este deverá providenciar seu cadastro através do site do Banco do Nordeste).

Vantagens

  • Financiamento pode ser solicitado em qualquer época do ano;
  • Solicitação do financiamento, cadastro e conta por meio digital;
  • Prazo de pagamento com até três vezes o tempo de duração do curso;
  • Durante o curso, o pagamento mensal será de apenas 35% do valor da mensalidade mais os juros;
  • Débito das parcelas em conta-corrente.

Condições de pagamento

Limite de financiamento

100% do valor da mensalidade.

Prazo de carência

A operação não tem carência. A partir do segundo mês de financiamento, o aluno inicia os pagamentos das prestações.

Prazo de pagamento

Até três vezes o tempo de permanência do estudante na condição de financiado, tendo como referência o período regular de duração do curso.

Forma de pagamento

Os pagamentos ocorrerão mensalmente mediante o débito das parcelas em conta corrente, da seguinte forma:

  • Durante o curso: 35% do valor da parcela financiada mais os juros* do semestre, por meio de débito em conta (ou seja, você depositará o dinheiro, mensalmente, para que o Banco realize o débito).
  • Após a conclusão do curso: o saldo devedor total será pago em parcelas mensais no prazo correspondente a duas vezes o tempo de permanência do estudante na condição de financiado.

Exemplo para curso de 4 anos:

Imagem com informação sobre a forma de pagamento do PFies para um curso de 4 anos. Durante os 4 anos, o estudante paga 35% do valor da parcela financiada, mais os juros. Após a conclusão do curso, o saldo devedor total poderá ser pago em até 8 anos.

 Garantias

  • Para os financiamentos (acrescidos ao saldo devedor já existente) de até R$ 100 mil: a garantia do crédito será aval, na qual o avalista deverá possuir renda mensal igual ou superior a 5 (cinco) vezes o valor da parcela financiada ou 5 (cinco) salários mínimos, o que for maior. Pode-se incluir mais de um avalista para garantir o financiamento;
  • Nos casos em que ultrapassar R$ 100 mil, será exigida a garantia real, ou seja, um bem imóvel, para fins de hipoteca ou Limite de Crédito Garantido por Hipoteca – LCGH, que servirá para garantir a operação.

Vale destacar, também, que é previsto seguro prestamista obrigatório, que também será  financiado. O valor é definido de acordo com o curso escolhido.

*A taxa de juros do financiamento está estimada em 5,38% a.a. para 2021. Pode apresentar variação mensal. É composta por uma parcela fixa e outra variável, ambas divulgadas pelo Banco Central, conforme Resolução Banco Central n° 4642 de 28/02/2018. Os componentes da taxa de juros estarão detalhados no seu instrumento de crédito.